02/01/2018 17h40

MS-338 receberá desvio da Agesul devido ao deslizamento.

De acordo com a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), órgão gestor das vias estaduais em Mato Grosso do Sul, a rodovia segue parcialmente liberada em meia pista apenas para veículos leves e caminhões sem carga e está sendo monitorada pela Agesu.

Douradosnews
 
 

O rompimento de uma galeria de drenagem a 21,5 quilômetros do município de Santa Rita do Pardo, na rodovia MS-338, entre Santa Rita e Bataguassu, interditou parcialmente a rodovia naquele trecho.

De acordo com a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), órgão gestor das vias estaduais em Mato Grosso do Sul, a rodovia segue parcialmente liberada em meia pista apenas para veículos leves e caminhões sem carga e está sendo monitorada pela Agesul.

Ainda segundo a Agência, a empresa que até então realiza um serviço de recuperação da rodovia, a Paviservice, já foi mobilizada para realizar um desvio ao lado da pista e assim liberar o trecho para o fluxo de caminhões com carga.

Os trabalhos devem iniciar assim que as chuvas amenizarem na região

Envie seu Comentário