Juiz de Fora/MG – A Polícia Federal deflagrou operação na manhã desta terça-feira (26/10), visando desarticular organização criminosa especializada em roubos a instituições bancárias. Policiais federais foram às ruas para cumprimento de seis mandados de prisão temporária e outros seis de busca e apreensão, expedidos pelo Juízo da Vara Única da Justiça Federal em Muriaé-MG.

 As investigações tiveram início em junho deste ano, após roubo a uma agência da Caixa Econômica Federal no Município de Pirapetinga/MG. Na ocasião, o grupo usou explosivos para adentrar à instituição bancária. Além disso, efetuou diversos disparos com arma de fogo pelas ruas da cidade, ferindo uma pessoa, fez reféns e fugiu em direção ao Estado do Rio de Janeiro. 

Esse tipo de ação é conhecido como “o novo cangaço”, modalidade criminosa geralmente é realizada nas pequenas cidades do interior do Brasil. Dentre os suspeitos, foram identificados ex-militares, com habilidade no manuseio de explosivos, e ex-vigilantes com antecedentes criminais.

 Os investigados poderão responder, na medida de suas participações, pelos crimes de roubo qualificado integração, organização criminosa e lavagem de capitais. As penas podem somar mais de 30 anos de reclusão e pagamento de multa.

Comunicação Social da Polícia Federal em Juiz de Fora/MG

Contato:  (32) 3228 9005

Comentários